Click here to load reader

revista velo

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Text of revista velo

  • CHAMADA I

    Mussum ipsum cacil-ds, vidis litro abertis. Consetis adipiscings elitis. Pra l , depois divoltis porris, para-

    dis.

    CHAMADA II

    Paisis, filhis, espiritis santis. M faiz ele-

    mentum girarzis, nisi eros vermeio, in ele-mentis m pra quem amistosis quis leo.

    CHAMADA III

    Manduma pindureta quium dia nois paga. Sapien in monti pala-vris qui num significa nadis i pareci latim.

    Interessantiss quisso pudia ce receita de bolis, mais bolis eu

    num gostis.

  • NE

    STA

    ED

    I

    O

    8

    10

    1214

    Eu e ela

    Trnsito

    Soy Amrica Latina

    BikeCaf

  • 5

  • 6Dispositivo projeta sinais luminosos nas costas do ciclista

    Mais uma inveno para facilitar e prote-ger a vida de quem anda de bike no trnsito. A ideia do designer Elnur Babayev, do Azerbaijo, foi criar um sinal luminoso que deixe mais clara as intenes do ciclista, que fosse visvel aos mo-toristas que esto logo atrs, principalmente noite. Batizado de Cyclee, o sistema acoplado na parte traseira do banco e projeta os sinais nas costas de quem pedala. Os comandos so feitos pelo celular.

    Mais uma inveno para facilitar e prote-ger a vida de quem anda de bike no trnsito. A ideia do designer Elnur Babayev, do Azerbaijo, foi criar um sinal luminoso que deixe mais clara as intenes do ciclista, que fosse visvel aos mo-toristas que esto logo atrs, principalmente noite. Batizado de Cyclee, o sistema acoplado na parte traseira do banco e projeta os sinais nas costas de quem pedala. Os comandos so feitos pelo celular.

    Mais uma inveno para facilitar e prote-ger a vida de quem anda de bike no trnsito. A ideia do designer Elnur Babayev, do Azerbaijo, foi criar um sinal luminoso que deixe mais clara as intenes do ciclista, que fosse visvel aos mo-toristas que esto logo atrs, principalmente noite. Batizado de Cyclee, o sistema acoplado na parte traseira do banco e projeta os sinais nas costas de quem pedala. Os comandos so feitos pelo celular.

    Mais uma inveno para facilitar e prote-ger a vida de quem anda de bike no trnsito. A ideia do designer Elnur Babayev, do Azerbaijo, foi criar um sinal luminoso que deixe mais clara as intenes do ciclista, que fosse visvel aos mo-toristas que esto logo atrs, principalmente noite. Batizado de Cyclee, o sistema acoplado na parte traseira do banco e projeta os sinais nas costas de quem pedala. Os comandos so feitos pelo celular.

  • 7Brasileiro viaja de bicicleta do interior de SP ao Mxico

    Rodrigo Arbex Cisman, 31 anos, nasceu em So Bernardo do Campo mas cresceu em Socor-ro, no interior de So Paulo. Formado em publi-cidade, trabalhou como redator publicitrio por alguns anos e de uns tempos pra c resolveu dar mais ateno a outras atividades, como a fotogra-fia e o mergulho.

    Sempre gostei de viajar. Em 2012 fiz um mochilo de quatro meses por Uruguai, Argenti-na, Chile e Bolvia. Em Ushuaia, conheci um norte--americano que tinha acabado de chegar de sua viagem de bike, da cidade mais ao norte cida-

    de mais ao sul. Acabei a viagem, voltei pra So Paulo, arranjei tra-balho. Fiquei por dois anos traba-lhando enquanto planejava, pes-quisava, fazia cursos, guardava um pouco de grana. Montei um projeto e mandei pra vrias em-presas. Algumas gostaram e de ajudaram com equipamentos. E foi assim que surgiu o Bike Ame-rica, projeto que tem a proposta de conhecer o resto da Ameri-ca Latina, a partir do Peru, at o Mxico. De preferncia pelo li-toral, porque sou mergulhador e fotgrafo-sub, e queria fazer um registro fotogrfico de todo o fundo da costa. A cmera vai em uma bolsa presa ao gudio, sem-pre a postos.

    A viagem comeou em se-tembro de 2014 e, at agora, Ro-drigo tem viajado sozinho. Em dois trechos tive a companhia de dois amigos. Tem sido muito bom. Tem muita gente boa pelo caminho. Fiquei muitas vezes na casa de pessoas atravs do site CouchSurfing, algumas pelo War-

    mShowers, que uma comunidade de ciclovia-jantes, conta.

    Para quem planeja fazer algo parecido, Ro-drigo d algumas dicas. Tem que ter fora de vontade e pacincia. O negcio curtir o cami-nho, no se desesperar pra chegar e saber que voc vai parar pra ficar em qualquer lugar que nunca ouviu falar no meio do caminho porque vale a pena.

    Confira alguns dos registros que ele j fez pelo caminho.

  • 8Bike Cafs: os melhores locais para conhecer

    Com histrias similares que envolvem amor pelo pedal e por gastronomia, muitos bike cafs espalhados pelo pas surgiram pelo desejo de di-fundir a bicicleta como meio de transporte, num ambiente que mistura bike shop e cafeteria. Por isso resolvemos fazer uma srie com os bike cafs do Brasil. Veja tambm os posts de So Paulo e Rio Grande do Sul.

    Os trs irmos Abelardo, Frederico e Claudio, amantes de bicicletas, perceberam uma crescente demanda pelas bicicletas como meio de transpor-te e a falta de locais apropriados para guard-las. Com isso, decidiram montar o Bike Rio Caf. Eles oferecem bicicletrio, vestirios com chuveiros temporizados e controlados por carto, espao caf para refeies, loja especializada e oficina.

    No um bike caf, mas um caf sobre rodas, por isso entrou tambm na lista. O Caf na Roda uma cafeteria mvel que tem como obje-tivo promover a bicicleta. O projeto trabalha com agricultores, comunidades, cooperativas, empre-

    endedores de economia criativa, ONGs e pesso-as com uma viso sustentvel. O Caf na Roda tambm trabalha em eventos de gastronomia, arte, ocupaes culturais, workshops, palestras, casamentos e festas. Com histrias similares que envolvem amor pelo pedal e por gastronomia, muitos bike cafs espalhados pelo pas surgiram pelo desejo de difundir a bicicleta como meio de transporte, num ambiente que mistura bike shop e cafeteria. Por isso resolvemos fazer uma srie com os bike cafs do Brasil. Veja tambm os posts de So Paulo e Rio Grande do Sul.

    Os trs irmos Abelardo, Frederico e Clau-dio, amantes de bicicletas, perceberam uma crescente demanda pelas bicicletas como meio de transporte e a falta de locais apropriados para guard-las. Com isso, decidiram montar o Bike Rio Caf. Eles oferecem bicicletrio, vestirios com chuveiros temporizados e controlados por carto, espao caf para refeies, loja especiali-zada e oficina.

  • 9ProjetoFotogrficodeBeloHorizonteregistraciclistasesuasbikes

  • 10

  • 11

  • 12

Search related